domingo, 10 de fevereiro de 2013

Males que vêm para o bem?

Bom, realmente não sei  se a maneira que visualizo essas palavras são corretas, e se ligm com sua moral. De fato sempre me considerei uma pessoa azarada em alguns aspectos, o tipo bem dramático, que tropeça nos próprios pés e vive se contrariando. A verdade é que nem sempre sei lidar comigo mesma.
 Acredito que a maneira de se interpretar essa frase, implica no fato que de que nunca sabemos o que nos aguarda ,sempre haverão erros, dias tempestuosos, brigas desnecessárias, e por vezes haverá o risco de machucarmos o nosso coração. Mas de todos esses pontos negativos, mesmo que não se perceba, algo você aprende. Como por exemplo, no atual estágio de minha vida, estou aprendendo a não ser tão boba, alguém que facilmente se dobra e aceita tudo o que as pessoas lhe digam ou fazem. Pois é, tenho treinado a mim mesma, tenho refletido sobre tudo e todos, e de fato, para algumas pessoas não serei mais a mesma. Afinal, todo estresse que passei me serviu de alguma coisa!

Nathy Cayres

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conte o seu lado da História!